Music, Videos

Clipe: Orielles – Let Your Dogtooth Grow

Artista: Orielles

Música: Let Your Dogtooth Grow

Álbum: Silver Dollar Moment (2018)

Entre os anos de 1967 e 1972 o mundo conheceu o auge de um subgênero musical chamado bubblegum, um misto de pop e rock de progressão simples de acordes e linhas melódicas grudam na cabeça feito chiclete e fazem qualquer pessoa cantar junto imediatamente. Os estúdios Hanna-Barbera souberam explorar bastante isso em suas produções, estabelecendo alguns clássicos dos desenhos animados e séries televisivas como Bananas Split, Josie e as Gatinhas e Gatolândia. Mas foi outra serie animada, Archies, vinda do universo dos quadrinhos, que instaurou o hit-mor do bubblegum, “Sugar Sugar”. E o que isso tem a ver com este clipe? Simplesmente tudo porque meio século depois o bubblegum continua firme e forte. Volta e meia aparece uma boa banda apostando no estilo com uma boa música. Como este trio formado em Liverpool e que acaba de lançar seu álbum de estreia. Formado pelas irmãs Hand-Halford (a baterista Sidonie B e a baixista Esmé Dee) e o melhor amigo delas (o guitarrista e vocalista Henry Carlyle-Wade). Sid e Henry se conheceram na faculdade de cinema por causa de muitos gostos em comum (Pixies, Sonic Youth Quentin Tarantino), o que explica os vídeos engraçados da banda. Os três integrantes se divertem fazendo de tudo, do roteiro e direção à atuação e a inserção dos efeitos especiais toscos. Como no caso deste clipe, feito para a faixa “Let Your Dogtooth Grow”. Uma música que tem dente canino no título merecia imagens à altura, com direito a um consultório de dentista nada normal e muita meleca sugerindo sangue. E a música… bem, é um bubblegum delicioso, com refrão que cola rápido e torna a banda a mais nova queridinha de quem a ouve. A impressão que fica é a de que a mesma cidade portuária que um dia deu ao mundo uma banda que no início da carreira tinha canções “ingênuas” que conquistavam de imediato ainda tem muito potencial para continuar gerando outras do tipo, mesmo passado mais de meio século.

Texto por Abonico R. Smith

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s